quarta-feira, 20 de setembro de 2017

Eleições para a Junta Regional de Braga - 2017/2020

No próximo domingo, 24 de Setembro, das 10h ás 16h, a Região de Braga do Corpo Nacional de Escutas irá a votos. Apenas uma lista concorre a este ato eleitoral, "Geração Sem Medo, Rumo a ti" é a equipa liderada pelo dirigente Hugo Cunha, fica a conhecer a Equipa:




Hugo Cunha, Candidato a Chefe Regional.

Catarina Miranda, Candidata a Secretária Regional para as Atividades.

Jorge Lopes, Candidato a Secretário Regional Pedagógico.

Joana Matos, Candidata a Secretária Regional para a Comunicação.

António Barbosa, Candidato a Secretário Regional para os Adultos.

Luis Mandim, Candidato a Secretário Regional para a Gestão.

Pedro Santos, Candidato a Chefe Regional Adjunto
Alexandre Novais, Candidato a Secretário Regional para o Património


-------------------------------------------------

Dirigentes e caminheiros, dia 24 setembro não deixem de votar das 10 ás 16 horas

Mesas de Voto:

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Folhinha nº 549 de 18 a 24 de setembro de 2017

Folhinha boletim interparoquial nº 549 de 18 a 24 de setembro de 2017
Paróquias de:
- Divino Salvador de Nogueiró,
- Santa Eulália de Tenões,
- S. Pedro de Este
Intenções das missas e informações das 3 paróquias


quarta-feira, 13 de setembro de 2017

O Escutismo e a Política - reflexão


Reflexão sobre a visão que o escutismo tem relativamente à participação do escuteiro católico na vida política, partindo do pensamento do fundador, Baden-Powell, e da Igreja.

da responsabilidade do Dirigente Carlos Alberto Pereira e publicado no jornal diário "Correio do Minho" 17/04/2015

Na Constituição Pastoral Gaudium et Spes sobre a Igreja no Mundo Atual, um dos mais importantes textos do Concílio Vaticano II, publicado pelo Papa Paulo VI, em 1965, dedica o capítulo IV, da II parte, à vida da comunidade política, onde se pode ler (p.77): “Todos os cidadãos se lembrem, portanto, do direito e simultaneamente do dever que têm de fazer uso do seu voto livre em vista da promoção do bem comum. A Igreja louva e aprecia o trabalho de quantos se dedicam ao bem da nação e tomam sobre si o peso de tal cargo, em serviço dos homens.”

Como sempre, os padres conciliares não se esquecem dos jovens (p.78): “Deve atender-se cuidadosamente à educação cívica e política, hoje tão necessária à população e sobretudo aos jovens, para que todos os cidadãos possam participar na vida da comunidade política. Os que são ou podem tornar-se aptos para exercer a difícil e muito nobre arte da política, preparem-se para ela; e procurem exercê-la sem pensar no interesse próprio ou em vantagens materiais.” 

Mas também clarificam alguns limites (p.79): “É de grande importância, sobretudo onde existe uma sociedade pluralística, que se tenha uma concepção exata das relações entre a comunidade política e a Igreja, e, ainda, que se distingam claramente as atividades que os fiéis, isoladamente ou em grupo, desempenham em próprio nome como cidadãos guiados pela sua consciência de cristãos, e aquelas que exercitam em nome da Igreja e em união com os seus pastores.”

Importa também saber o que significa para nós, escuteiros católicos, o segundo dos três Princípios do Escutismo: O Escuta é filho de Portugal e bom cidadão. É certo que determina uma relação paternal entre Portugal e cada escuteiro, cujo elemento aglutinador é o Amor. Mas também é bom cidadão, por isso exerce a cidadania, isto é, participa ativamente e responsavelmente na vida da pólis.

Baden-Powell no seu livro destinado aos jovens adultos, A Caminho do Triunfo, onde, sob o título “Sê Homem de Visão Larga” (p.186), afirma: “Eu desejo que te dirijas para a Grande Felicidade e não para a Grande Gamelada. (...) se entrares na vida pública com o desejo humilde de servir a comunidade, colaborar no espetáculo para o bem da maioria, é coisa muito diferente.”

Já no Escutismo para Rapazes, palestra de bivaque nº 26, dedicada ao civismo, afirma (p.320): “Depois, quando fordes crescidos, tereis o direito de voto e a vossa parte no governo do país.
E muitos de vós sentir-se-ão inclinados a pertencer automaticamente ao partido político a que pertencem os seus pais ou amigos. Eu não faria assim, se eu estivesse em vosso lugar. Ouviria aquilo que cada partido tem a dizer. (...). Importa ouvi-los a todos e não se deixar convencer por qualquer deles. E, depois, sede homens, resolvei e decidi por vós próprios qual deles julgais melhor para o país - e não para qualquer pequena questão local - e votai por esse, enquanto ele desempenhar bem a sua missão, ou seja, a bem do país.

Há muita gente que se deixa arrastar por qualquer político novo de novas ideias extremistas. Nunca vos fieis nas ideias de um homem, enquanto estas não tenham sido consideradas de todos os pontos de vista.”

Este é, para a comunidade internacional, para o país, para a Igreja, para o Escutismo e para o seu fundador, o cidadão de ”corpo e alma”, aquele que não constitui um perigo para a democracia como nos alerta B.-P. em A Caminho do Triunfo (p. 167): “O perigo das democracias está no homem que não quer pensar por si nem aprender a pensar bem, como aprende a andar direito.”

O escuteiro nunca será um destes perigos andantes para a democracia, ao canto das sereias, desmobilizador da participação cívica, responderá sendo um cidadão informado, consciente e crítico, um verdadeiro obreiro do futuro, prestando assim homenagem aos que em Abril ousaram sonhar um Portugal livre e democrático.

reflexão da responsabilidade do Dirigente Carlos Alberto Pereira e publicado no jornal diário "Correio do Minho" 17/04/2015


terça-feira, 12 de setembro de 2017

Chefe Nacional decretou Luto Nacional até 17 setembro



O Chefe Nacional, Ivo Faria decretou Luto Nacional por 7 dias pelo falecimento de D. António Francisco dos Santos, Bispo do Porto.

O corpo estará em Câmara Ardente terça-feira das 9h às 24h e quarta-feira das 9h até à celebração exequial.
Terça-feira, dia 12 de Setembro:
•09.30h: Oração de Laudes
•11.00h: Eucaristia
•19.00h: Oração de Vésperas
Quarta-feira, dia 13 de Setembro:
•09.30h: Oração de Laudes
•15.00h: Celebração Exequial
- a Missa de Sétimo Dia será na segunda-feira, dia 18 de Setembro, às 19h na Sé Catedral do Porto.

-----------------------------------------------------------------------------------
Extrato da OSN 680, de 29 de setembro de 2017


1. DETERMINAÇÕES

Pelo falecimento do Senhor Dom António Francisco dos Santos, Bispo do Porto, ao abrigo do artigo 9º, do Regulamento de Protocolo do CNE, a Junta Central decreta luto oficial nacional por um período de 7 dias, a contar do dia 11 de setembro de 2017.
O luto manifesta-se institucionalmente, pelo hasteamento a meia-haste das bandeiras ou por uma banda de crepe preto a cobrir a parte superior de bandeiras quando estas se encontrem em mastros portáteis.
Individualmente, os associados, querendo, podem usar uma braçadeira estreita de crepe preto, colocada no braço esquerdo, sobre o uniforme, como forma de manifestação pessoal de luto seja este institucional ou pessoal.

Lisboa e Sede Nacional, 11 de setembro de 2017

O Chefe Nacional
Ivo Faria

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

Folhinha nº 548 de 11 a 17 de setembro de 2017

Folhinha boletim interparoquial nº 548 de 11 a 17 de setembro de 2017
Paróquias de:
- Divino Salvador de Nogueiró,
- Santa Eulália de Tenões,
- S. Pedro de Este
Intenções das missas e informações das 3 paróquias




segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Folhinha nº 547 de 4 a 10 de setembro de 2017

Folhinha boletim interparoquial nº 547 de 4 a 10 de setembro de 2017
Paróquias de:
- Divino Salvador de Nogueiró,
- Santa Eulália de Tenões,
- S. Pedro de Este
Intenções das missas e informações das 3 paróquias



segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Folhinha nº 546 de 21 de agosto a 3 de setembro de 2017

Folhinha boletim interparoquial nº 546 de 21 de agosto a 3 de setembro de 2017
Paróquias de:
- Divino Salvador de Nogueiró,
- Santa Eulália de Tenões,
- S. Pedro de Este
Intenções das missas e informações das 3 paróquias


quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Inscrições 2017 - Novos escuteiros

NO ESCUTISMO HÁ UM LUGAR PARA TI.
vem fazer parte do nosso grupo
Escuteiros de Nogueiró - Inscrições no seguinte link: 



segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Obrigado Chefe João Armando

Com o início da Conferência Mundial do Escutismo hoje 14 de agosto, no Azerbaijão, termina o mandato de três anos do nosso João Armando Gonçalves à frente dos destinos da maior organização mundial de juventude. a WOSM - Organização Mundial do Movimento Escutista. Um Enooooooooooooooooooooooooorme OBRIGADO Chefe.

Discurso de despedida




quarta-feira, 9 de agosto de 2017

ACANAC 2017 - Estivemos lá


Os Escuteiros de Nogueiró estiveram presentes neste XXIII ACANAC - Acampamento Nacional do Corpo Nacional de Escutas, que decorreu de 31 de julho a 6 de Agosto no CNAE - Campo Nacional de Actividades Escutistas em Idanha-a-Nova. Neste ACANAC estiveram presentes cerca de 22 mil escuteiros.
Estiverem presentes uma equipa de pioneiros (7) acompanhadas pelo dirigente Nuno Cunha, um caminheiro integrado em outro clá, e o dirigente Alberto Coelho esteve como Master "Chefe de Sub-campo" do distrito Banyan no Campo da União (Exploradores).
Uma actividade marcante para os nossos escuteiros e sem dúvida enriquecedora.


os nossos escuteiros na hora da partida


........................................................Domingo 30 de julho 2017................................................


Pórtico de Entrada do XXIII ACANAC - foto: Luís Gonçalves XIX

Foto: José Ribeiro




........................................................Segunda-feira 31 de julho 2017...............................................
Cerimónia de Abertura do ACANAC



Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, janta, e serve patrulha de exploradores foto:Jorge Silva


Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, janta, discursa perante 22 mil escuteiros foto:Jorge Silva




........................................................Terça-feira 1 de agosto 2017...............................................















........................................................Quarta-feira 2 de agosto 2017...............................................

hora do tacho ;-)



........................................................Quinta-feira 3 de agosto 2017...............................................














........................................................Sexta-feira 4 de agosto 2017...............................................




........................................................ Sábado 5 de agosto 2017...............................................







........................................................Domingo 6 de agosto 2017...............................................


Desmontagem e Regresso


Os nossos Escuteiros o Regresso a casa:







O ACANAC na opinião dos nossos escuteiros:

"Para mim foi uma ótima experiencia o acanac. Com ele pudemos aprender imensas coisas novas não só sobre o que nos rodeia mas também sobre nós próprios. Acho que todos crescemos um pouco com esta atividade e com as recordações que ficaram dela. Em geral foi um muito bom acampamento, claro que não pudemos deixar de lado a má organização que houve em algumas atividades que talvez se justifiquem pela imensa quantidade de gente. Tanto por mim como pelo que vou ouvindo o melhor do acanac foi as atividades náuticas e a festa dos pioneiros mas mais ainda as amizades que se criaram até nos locais onde menos pensávamos que isso aconteceria como por exemplo na fila para o pingo doce ou na fila para o banho. Fico imensamente grata por ter podido estar lá e fazer parte do maior acampamento do país."
Rita R. (Pioneira)

"Este foi o meu segundo acanac e provou ser mais uma vez uma experiência única e enriquecedora a todos os níveis. No entanto senti alguns problemas a nível da organização e cumprimento de horários o que prejudicou o meu entusiasmo com as atividades. Levo comigo os aspetos positivos que serão certamente úteis para a vida."
Rita F. (Pioneira)

"Adorei o ACANAC, uma experiência incrível que repetiria 1000x! Conhecer novas pessoas, novos sotaques e fazer amizades que sei que continuarão a existir."
Francisca (Pioneira)

"Eu adorei o ACANAC para mim foi uma experiência fantástica não me importava de a repetir vezes e vezes sem conta e o que gostei mais foi das amizades que fiz e que vai ser para a vida e o convivio com diferentes escuteiros de diferentes regiões de portugal."
Mariana (Pioneira)

"Eu gostei muito, conheci novas pessoas e fiz muitas amizade novas e gostava de repetir. As atividades que mais gostei foi das aquáticas. Foi a melhor atividade do mundo."
Elsa C (Pioneira)

"Pela primeira vez num ACANAC e logo no maior de todos. É verdade que este tipo de atividade, não começa só depois da abertura oficial, começa muito antes. Desde sempre se perspetivava ser uma etapa dura de trabalho, não apenas para mim, mas para todos os elementos que acompanhei. Confesso, que no inicio tive medo, mas no final, (por ELAS), valeu a pena! 🙂 Consciente que uma atividade desta dimensão, existe sempre aspetos que não correm como esperado e certo que a sua preparação também deu muito trabalho a toda a equipa que a desenhou, não posso deixar de fazer um balanço positivo. Hoje, a palavra ACANAC faz-me lembrar, o sorriso expresso em muitas caras, a alegria e coragem com que todos enfrentaram as adversidades do terreno e clima, o convívio não só em comunidade, mas também em família, a diversidade de pronuncias ouvidas, as amizades criadas e acima de tudo a sensação de tarefa cumprida. A mochila foi pesada, carregada de responsabilidade e preocupação, mas no fim veio ainda mais pesada, carregada de vivência, amizade e no bolso de fora claro “saudade”. Obrigado ACANAC….. Saudações"
Nuno Cunha (Chefe de Comunidade - Pioneiros)  




............................... Hino do ACANAC
................................





............................... O U T R O S V I D E O S ................................